quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Afinal de contas, para que serve o primer facial?

Muita gente já ouviu falar dele, já viu para vender, mas como o primer só chegou em larga escala no mercado nacional recentemente, muitas dúvidas ainda estão no ar.
Eu já tinha ate colocado um post falando sobre ele, mas resolvi colocar outra vez mais detalhado.
Como o nome em inglês indica, o primer é um produto para ser usado antes da base. Lembra do primer usado nas funilarias, uma espécie de massa para disfarçar as imperfeições antes da pintura do carro? Ou da massa corrida, usada nas paredes para deixar a superfície lisa antes de a tinta ser aplicada? O princípio é o mesmo. O primer nada mais é do que um produto que prepara a pele para receber a base.
Ele pode ser fabricado em creme, gel ou soro, por exemplo. A maioria é transparente ou branco. Há ainda os coloridos, mas todos, quando aplicados na pele, se tornam incolores. Alguns possuem partículas que absorvem a oleosidade e ajudam a disfarçar os poros abertos. Quando você aplica um primer desses em uma pele oleosa, ela fica matificada na hora e os poros ganham uma aparência mais discreta.
Alguns primers carregam partículas refletoras de luz, iluminam o rosto e disfarçam imperfeições, como rugas. Entre os coloridos, há o primer verde, como o da Bodyography, uma indicação da maquiadora Simone Barcelos, ótimo para neutralizar manchas avermelhadas. Como ajuda a disfarçar, não exige tanta base depois. O único cuidado é aplicá-lo apenas na área que você pretende neutralizar. Se espalhar sobre todo o rosto, corre o risco de ficar com a pele colorida.
Um alerta para quem tem pele negra: os produtos com ação matificante não são uma boa opção. Esse tipo de pele tem brilho por natureza. Caso aplique um primer matificante, ela ganha um aspecto acinzentado. Melhor usar um primer que só ilumine a pele.
E é fundamental ter um primer no nécessaire? Bom, o primer deixa a pele uniforme, dá uma corrigida em algumas imperfeições, mas não vai salvar a sua pele. Se você realmente tem algo a esconder, como manchas e espinhas, só uma boa base pode ajudar. O primer dá um acabamento mais profissional ao make, mas não é um produto salvador da pátria, indispensável. Ele é uma boa opção para quem gosta de se maquiar sempre ou para as que curtem fazer um make mais elaborado para uma ocasião especial. Se esse for o seu caso, pesquise preços e teste para saber se ele funciona mesmo na sua pele. Abaixo, algumas indicações de primers que são vendidos no Brasil.
contem-primer
Magix, Avon, 38 reais – Matifica e minimiza poros. O único ponto fraco é o cheiro bastante forte, mas ele some após alguns minutos.
contem-primer
Bodyography, 142 reais – A marca oferece algumas opções, como este da foto, incolor, um roxo, para neutralizar tons amarelados, e um verde, para neutralizar manchas avermelhadas. 
contem-primer
Make B, O Boticário, 59,90 reais – Promete ajudar na fixação da maquiagem. 

contem-primer
Brightening Serum, MAC - Possui brilho e funciona bem em peles negras. Também é bom para ser usado por quem deseja um pele com um certo brilho natural.
contem-primer
Natura Una, Natura, 52 reais – Novidade no mercado, promete disfarçar rugas.
contem-primer
Contém 1g, 92 reais – Deixa a pele bem matificada, a única ressalva é que ele não cai bem em peles ressecadas, pois acaba marcando as áreas mais secas.



2 comentários:

  1. Amei a dica e já fiz a minha escolha!!!

    ResponderExcluir
  2. hahaha que bom paula!!
    um beijo

    ResponderExcluir